Mulher e mãe: como equilibrar as novas demandas

Mulher e mãe: como equilibrar as novas demandas

por: Amanda Mota

Cuidar de si é essencial para manter o equilíbrio de uma vida saudável e, alguns momentos, nos vemos deixando isso um pouco de lado devido ao tempo escasso, dividido entre trabalhar, estudar, cuidar do seu relacionamento, da sua família, amigos, etc… imagine então incluir em toda essa rotina os cuidados essenciais que são necessários com um recém nascido, um bebê ou uma criança.

Durante a gestação o corpo já começa a dar sinais de que precisa de mais cuidados e é cientificamente comprovado que alguns exercícios podem auxiliar nas dores, na ansiedade e até no preparo para o parto. O Yoga e o Pilates para Gestantes são atividades especialmente preparadas para cuidar e preparar a futura mãe.

Depois que o bebê nasce, no entanto, algumas mulheres abandonam os cuidados consigo e se dedicam exclusivamente aos cuidados com o bebê. A novidade e o êxtase de receber o novo membro da família tomam conta da rotina de uma forma que é difícil pensar em outra coisa. Com o passar dos meses e a rotina mais ajustada, a mãe volta a sentir a necessidade de fazer algo, não somente pela sua forma física, mas também para ter um momento de tranquilidade e conversar com outras mães, que estão vivendo esse mesmo período da vida.

Voltar a ter uma vida ativa e poder estar com o bebê é muito reconfortante. E pensando nisso oferecemos duas modalidades que você pode fazer junto com seu filho.

A Dança Materna traz o conforto e o balanço da dança aliados a benefícios emocionais e físicos. Utilizando o sling, a mãe manterá seu bebê seguro e tranquilo. Há relatos de melhora no sono e nas cólicas, assim como o estímulo a amamentação. Uma atividade pensada para a mãe, para o bebê e para a dupla, ampliando o vínculo e fortalecendo essa relação. É possível iniciar a prática já no primeiro mês do bebê, em caso de parto normal ou após 45 dias em caso de cesariana. A Dança Materna possui aulas diferenciadas para gestantes, mães com bebês de colo ou engatinhantes e também para mães com bebês andantes até os 3 anos.

Com Baby Pilates é possível otimizar a perda de peso. Ele fortalece a musculatura, diminui inchaços e melhora a circulação trabalhando a reeducação corporal, trazendo uma melhora na auto estima da mãe, equilibrando com seu lado mulher novamente.

Conforme o bebê vai crescendo, fica mais difícil conciliar suas atividades com as deles pois eles começam a explorar mais o espaço e necessitam de uma maior atenção. Esse talvez seja o momento de separar as atividades, pensando em coisas que você possa fazer sozinha e outras destinadas a ele.

Falando novamente sobre o Pilates, ele é uma modalidade bem completa e que se adapta a várias necessidades. Já citamos a possibilidade de ser feito na gestação, junto com o bebê e, claro, também é possível fazer sozinha e ganhar um tempo de relaxamento para você. Na categoria do Pilates Estúdio, os treinos são feitos de forma personalizada por cada professor, ou seja, você vai expor as suas necessidades e desejos e isso será trabalhado em aula.

Se sua intenção é sair um pouco da parte física e trabalhar a mente como seu equilíbrio, nossa recomendação são as aulas de Yoga. A meditação te ajudará a relaxar e a levar essa serenidade para a sua rotina. Trabalhar a respiração é uma ferramenta incrível para os dias mais atordoados.

Agora você deve estar se perguntando: Como conseguir um tempo para mim? Conte com uma rede de apoio! O marido, alguém da família, uma babá, uma vizinha… dependendo da idade do seu filho, existem outras formas de se pensar na rotina. Você pode aproveitar o período em que estão na escola, levá-lo para brincar na casa de um amigo (e receber o amigo também em casa, ajudando outra mãe), incluir uma outra atividade para ele no mesmo horário, etc.

É preciso um certo planejamento até para iniciar, talvez pensando em algo que seja no seu trajeto diário facilite pois a proximidade da casa, trabalho ou escola faz com que você ganhe tempo. E lembre-se lembre daquele ditado que diz “é preciso uma vila para criar uma criança”. Afaste-se da culpa de achar que todas as responsabilidades são suas e cuide de quem tanto cuida. Isso fará muito bem a você e a todos a sua volta.

Dessa forma você estará construindo hábitos saudáveis que, com certeza, influenciarão na vida da sua família. Praticar exercícios, ter um hobbie, uma paixão… isso faz muito bem para o desenvolvimento de uma criança e quando você menos esperar ele estará te acompanhando em várias atividades também.

Para você, em qualquer fase da vida e para o seu bebê de 0 a 30 anos (porque para quem é mãe, ele vai ser sempre um bebê), temos atividades diversas e muito prazerosas para fazerem juntos ou individualmente.

Conheça mais atividades clicando aqui!

Newsletter

Inscreva-se em nossa newsletter para receber novidades e promoções exclusivas: